sábado, 3 de novembro de 2007

O_O

Algumas coisas eu não consigo compreender. Cansei de ler ‘livros para jovens’, que falam sobre ‘problemas de jovens’, tem um ‘contexto jovem’, tenta se comunicar com os jovens de uma maneira apelativa, e o pior de tudo, conseguem. Impossível que eu seja única que sinta excluída ou totalmente fora do ‘mundo jovem’ padrão oferecido e apresentado pela mídia. Não agüento mais ver novelas, filmes... Em que sempre tudo acaba bem. Porque as coisas nunca acabam bem. Nós que sempre nos acostumamos com o rumo que a nossa vida toma, seja bom ou ruim. Queria poder escrever minha vida, ou ao menos imaginar como ela será no futuro. E o futuro do qual falo não é daqui a 20 anos, e sim o amanhã. Queria adivinhar as coisas mínimas como se vai chover no final de semana, pra eu fazer ou não escova; queria poder saber se alguém vai me trair, ou se alguém vai gostar de mim assim como eu gosto desse alguém. Sei lá, coisas simples. Eu só queria não me machucar, eu queria poder estar sempre preparada para encarar qualquer imprevisto. Não gosto de surpresas. Às vezes elas não são boas e às vezes elas me machucam. Também não gosto de machucados. Machucar: 1.esmagar (um corpo) com o peso e/ou a dureza de outro. 2. Produzir chaga ou contusão em; ferir. 3. Ferir-se. Machucado: 1. Contusão, machucadura. 2. Qualquer ferimento sem gravidade. Isso que você acabou de ler, é segundo o dicionário Aurélio, a definição das respectivas palavras machucar e machucado. Agora me fala uma coisa, machucado não tem gravidade? Além de ser ignorada pelos romances adolescentes, o dicionário também decidiu me contrariar. Odeio machucados, seja da espécie que for. Eles machucam (e eu sei que isso é obvio). Ser atropelado e amar sem ser amado. Qual a diferença? Se você sair vivo do atropelamento você é uma pessoa de sorte, se você não entrar na fossa após uma desilusão você provavelmente não tem sentimentos. Seria você um X-MAN? Uau, fiquei chocada com minha própria comparação. E sim, eu sei que fugi do assunto, já que meu objetivo inicial era somente achar um meio de simplificar a vida. Mas agora me diz como vou simplificar a vida se cada um pensa de um jeito? Sim, esse é um ponto que eu até acho positivo. Ainda bem que todos pensam diferente, pois imagine um bando de vaquinhas de presépio vivendo sobre o mesmo solo. Seria simplesmente monótono. Dizem que a vida não é complicada e que somos nós que a complicamos. Seria isso uma contradição? Garanto que não complico minha vida, ou você acha que eu sempre escolho gostar da pessoa errada para me divertir, ou que eu sempre me mato de comer chocolate porque eu quero. Claro que não, são vontades, mais fortes do que eu. E eu to falando sério. Você não controla seus instintos, e é isso que sempre deixa a gente correndo risco. Mas ainda bem que também dizem por ai que errar é humano, porque se não fosse, provavelmente eu seria o X-MAN dessa história toda. Existem pessoas que tentam entender a vida e até ensiná-la através de livros de auto-ajuda para outras pessoas. Realmente você tem que ser muito inteligente para se psicólogo ou psiquiatra. Porque já é difícil lhe dar com os próprios obstáculos que a vida nos impõe, imagine só ter que desvendar os obstáculos dos outros! Muito complicado. E de complicado já basta meus pensamentos. Se a vida fosse mais simples, ela realmente não seria essa vida que nós vivemos. Talvez fosse até monótona, vai saber. Se ela ao menos nos informasse sempre sobre o que vai acontecer, assim como um resumo semanal das novelas. Poderia até não ter tanta emoção assim como tem. Ficaria igual à novela quando a gente descobre quem vai morrer ou quem matou. Ou então igual a um filme que já sabemos o final. E é esse o problema da minha vida. Parece que eu sempre sei o final. Não sei por que, mas parece que eu sempre sei que vai dar errado e por coincidência, sempre dá errado. Não estou sendo dramática não. É verdade. Nunca dá certo, e parece que eu sempre escolho o caminho mais difícil, o mais complicado. A vida já é complicada, meus pensamentos são complicados, eu sou complicada, pra que eu tenho sempre que escolher o modo mais complicado de seguir a minha vida? Aposto que se eu fosse uma personagem qualquer de livro ou filme adolescente, tudo daria certo e quando não desse, provavelmente no final eu seria recompensada com o melhor final feliz do mundo. Isso me irrita tanto. Eu não estou reclamando da vida. Até porque eu sou muito apegada a ela. O problema é que ela é confusa demais. Não falam que ‘Deus escreve certo por linhas tortas’, então, a vida é sempre certa, porém muito torta (ou seja, confusa). Fiz esse blog com intuito de escrever o que eu penso sobre a minha vida, ou sobre o que acontece comigo. Porque eu penso demais. Penso em tudo o que vai acontecer, em cada detalhe. E às vezes isso me atrapalha. Eu evito fazer muita coisa por medo, porque por acaso eu já devo ter pensado na conseqüência desse meu ato antes. Eu queria só um lugar para expor meus pensamentos e sentimentos. Sentimentos os quais são bem difíceis de expressar pra mim. Já que muitas vezes eu não sei mentir sobre o que eu to sentindo, ou então outras vezes eu minto tão bem que eu mesma me machuco. Tipo essas últimas semanas que eu estava triste e que todo mundo ficou perguntando o por que, só que pra mim não adianta falar... Porque ninguém me entende mesmo. Então eu decidi aparentar uma cara mais feliz durante os últimos dias, eu assumo que estou conseguindo manter minha estratégia de enganação. Porém eu estou enganando a mim mesma, e parece que eu to usando uma máscara. Nada do que eu fale aqui vai mudar minha situação, porque parece eu estou em outro mundo e será bem difícil de você se aproximar de mim porque minhas idéias serão sempre complicadas. Tchau *:

Um comentário:

tata disse...

Nossa.
S�rio.
Voc� precisa ler "o segredo" urgentemente.

uhasuhasuhashaushasusa

Djow.
Acho que todos sabemos como vc se sente.
Ou um dia saberemos.
Eh uma fase, sabe?
Todos passaremos por ela.
Eh inevit�vel (nossos sonhos, nossas vidas ideaaaaaaais, � existem maaaaaaaaaais. Nos restou conviver, aceitar que somos simplesmente mortais em mundos reais.)
Vai.
Essa m�sica do cpm eh bem supimpa e resume muitas coisas.
Tem tudo a ver com vc.

Mas, ent�o.
Se quiser conversar, estou aqui, blz?
ushhusauasuhsauhasuh

XD